O Teamlyzer faz agora parte do Grupo RUPEAL

Durante os últimos anos estive focado em fazer crescer o Teamlyzer como solo founder. Agora chegou a altura de darmos o próximo passo.

Em 2017 quando comecei o Teamlyzer estabeleci pequenos objetivos. Primeiro queria atingir os 20 utilizadores, depois 200, a seguir 2.000, depois 20.000 utilizadores... Agora caminhamos rapidamente para atingir os 200.000 utilizadores únicos nos últimos 12 meses!

Ao mesmo tempo traçava pequenos objectivos para me auto-motivar. É viciante e gratificante comparar tendências de pesquisa no Google Trends e ver que um projeto bootstrapped, de uma só pessoa, tem mais tracção do que outros projectos com milhões investidos!

Construí o site do zero e tornou-se num ponto de referência para a comunidade IT Portuguesa. Todo o tráfego do Teamlyzer é atualmente orgânico. Orgulho-me do que consegui alcançar.

Por isso sempre estive relutante em vendê-lo. No entanto, desde 2021 percebi que levei o Teamlyzer o mais longe que podia por conta própria.

Começou a ser cada vez mais difícil fazer todo este trabalho sem ter uma equipa que me acompanhasse.

Nesse momento colocaram-se duas hipóteses. Ou levantava capital junto de investidores, com tudo o que isso implica (perda de autonomia, pressão de monetizar, apressar internacionalização) ou fazia um Exit com sucesso com algumas condições inegociáveis. Por exemplo, eu teria de continuar ligado ao projecto, com papel de relevo e peso na decisão de desenvolvimento de futuras funcionalidades. A independência da plataforma teria de continuar a ser assegurada, de forma isenta e transparente.

E por essa razão optei pela segunda hipótese.

Falei com várias pessoas e empresas do mercado que achei terem perfil para levar a comunidade para um próximo patamar e uma delas foi o Rui Pedro Alves do Grupo RUPEAL, um grupo de empresas 100% português, com capitais 100% portugueses.

O Rui não colocou pressão em monetizar a plataforma, o que vai permitir-me focar no desenvolvimento do Teamlyzer e integrar outras pessoas que me vão ajudar.

O Grupo RUPEAL é um grupo sólido, com 15 anos no mercado, que possibilita ao Teamlyzer ter uma almofada de conforto para continuar a crescer sem ter pressão imediata de gerar lucro. O nosso foco foi e continuará a ser a comunidade.

O Teamlyzer também vai passar a ter algumas caras novas. O Rui Miranda, que desenvolvia funções na área da inovação e melhoria de processos do Grupo RUPEAL, passará a actuar em exclusivo enquanto CEO do Teamlyzer e terá a seu cargo a gestão estratégica operacional da empresa.

Eu serei o CTO e passarei a focar-me na tecnologia e na continuidade da evolução do produto, que é onde posso aportar mais valor ao projecto.

Teremos ainda um Community Manager, o Pedro Santos, que estará focado no desenvolvimento e suporte da comunidade. Eu, o Rui e o Pedro teremos sempre como principal foco continuar a fazer crescer e servir a comunidade e este será sempre o nosso principal compromisso.

O futuro passará naturalmente por desenvolver a plataforma para receber cada vez mais reviews, com mais transparência, e acrescentar cada vez mais valor à comunidade de IT.

Pessoalmente estou muito entusiasmado com esta nova fase de crescimento da comunidade Teamlyzer e continuamos a contar convosco para ajudar-nos a definir o futuro da plataforma.

 

FAQ

Quem é o grupo RUPEAL?

A RUPEAL é um grupo de pessoas, empresas e marcas onde, acima de tudo, se vive uma cultura focada em entregar felicidade, excelência, crescimento e magia a todos os que, de uma forma ou de outra, tocamos. Além do Teamlyzer, fazem parte do Grupo RUPEAL 3 outras empresas - InvoiceXpress, ClanHR e Kwan.

Porque é que o Teamlyzer decidiu juntar-se ao Grupo RUPEAL?

Até ao momento a equipa do Teamlyzer era constituída por apenas uma pessoa, o Dinis Monteiro e chegou o momento que para continuar a crescer são precisas mais pessoas para ajudar! Estando garantidos os princípios basilares do Teamlyzer (comunidade, transparência, credibilidade), foi o movimento certo para prosseguir o crescimento.

Porque é que o Grupo RUPEAL adquiriu o Teamlyzer?

O Grupo RUPEAL, identificou no Teamlyzer a orientação para um propósito alinhado com o do Grupo, acelerar a resolução dos problemas da humanidade através de tecnologia feita por pessoas, uma vez que oferece um serviço de elevado valor acrescentado à comunidade TI Portuguesa, contribuindo para a transparência no mercado tech português.

As áreas de tecnologia e pessoas são os grandes vetores de investimento do Grupo.

As restantes empresas do Grupo (Invoicexpress, ClanHR e Kwan) terão acesso aos dados dos utilizadores do Teamlyzer?

Não! O Teamlyzer, sendo uma das participadas do grupo, é também uma empresa independente e assim continuará, completamente autónoma das restantes empresas do Grupo, com uma gestão própria, processos, metodologias e sistemas próprios, não partilhando qualquer informação dos seus utilizadores.

Qual vai ser o business model do Teamlyzer?

O business model manter-se-á o mesmo, ou seja, as empresas começam por ter acesso à edição básica gratuita da sua empresa, depois evolui para gestão avançada onde é permitido publicação de anúncios em troca de uma mensalidade. No futuro poderemos ter outros serviços associados, mas nesta fase ainda não estão desenhados.

O que vai acontecer à atual equipa do Teamlyzer?

Até ao momento a equipa do Teamlyzer era de um elemento, o Dinis Monteiro, que é um verdadeiro one man show. Agora irá assumir as funções de CTO, focando-se no desenvolvimento do Teamlyzer.

Quem vai liderar o Teamlyzer?

A equipa de liderança do Teamlyzer será o Dinis Monteiro enquanto CTO e o Rui Miranda, enquanto CEO.

Quais os planos para o futuro do Teamlyzer?

Continuar a proporcionar à comunidade tecnológica portuguesa uma plataforma onde pode consultar e partilhar informação de forma transparente, independente e anónima sobre todas as empresas presentes em Portugal. Paralelamente, melhorar a experiência dos utilizadores e continuar a fazer crescer o Teamlyzer.

Esta mudança é boa para a comunidade?

Sim, temos total confiança que todas as nossas decisões irão acrescentar valor para a comunidade e sempre que alguma decisão demonstrar o contrário, será revertida. Com esta mudança o Teamlyzer passa a ter mais recursos para poder oferecer ainda mais valor à comunidade IT.

O que vai mudar com esta aquisição?

Haverá maior capacidade de investimento e desenvolvimento, sendo que surgirão melhorias da nossa oferta, sem NUNCA alterar os princípios base do Teamlyzer!

A quem devo contactar para obter suporte?

O contacto do suporte, mantém-se o mesmo suporte@teamlyzer.com.

Partilhar este artigo

Faz a review da tua empresa

Partilha como é o teu (ex) empregador. É anónimo e leva 3 minutos!