48 sites internacionais para encontrar um novo emprego remote

Artigo dedicado aos profissionais de tecnologia que pretendem continuar a trabalhar remotamente e querem fazê-lo para empresas estrangeiras.

Com o fim do tele-trabalho obrigatório estamos a assistir ao progressivo abandono das políticas remote pelas empresas portuguesas.

Não é segredo que a adopção do tele-trabalho foi forçada pela pandemia. No entanto, poder-se-ia pensar, que uma vez implementadas, e dado o sucesso das mesmas, já não seriam revertidas. Ou pelo menos seriam opcionais. Quem quer regressa, quem não quer fica em tele-trabalho.

Contudo, o que se assiste, são empresas a dizerem que o trabalho full-remote foi uma experiência com muito sucesso. Que tiveram ganhos de produtividade enormes, mas no fim de contas, vamos todos voltar para o escritório à mesma obrigatoriamente.

Começa por ser num regime híbrido para transitar, que será cada vez menos, até que chegará possivelmente o dia da comunicação oficial do regresso ao escritório a tempo inteiro.

O que se conquistou de flexibilidade e qualidade de vida em 2 anos de pandemia está a ser destruído em poucos meses.

Logotipo da relato BP

Entre os principais motivos estará certamente o desejo pelo regresso à micro-gestão que tão bem caracteriza o mercado português.

No Teamlyzer gostamos do trabalho remoto porque, entre outros motivos:

  • Não se perde tempo em transportes
  • Não se tem o stress dos constantes atrasos dos mesmos
  • Não se tem preocupações com greves, como a de ontem, no metro de Lisboa
  • Não se tem preocupações tão simples, como riscarem o carro no parque da estação
  • Não se gasta combustível, nem se compra passe, nem se paga portagens
  • Não se gasta dinheiro com almoços, pequenos-almoços ou cafés fora

Já existem vários serviços que permitem que empresas estrangeiras ofereçam contratos locais, através de intermediários nesses países, sem terem que abrir empresa em Portugal. São exemplos empresas como a Oyster, Deel, Boundless ou Remote a fazerem esse serviço em Portugal.

Isto quer dizer, a título de exemplo, que podes ficar a trabalhar para uma empresa americana sem que ela tenha escritório em Portugal em minutos.

Por fim, dado o interesse da comunidade em trabalhar remotamente para empresas estrangeiras, publicamos agora uma lista com cerca de 50 sites para ajudar nessa pesquisa. Em alternativa também podem consultar a lista no Google Docs.

 

 

Foto: Retrato de homem de negócios com decoração de festa trabalhando no laptop no local de trabalho no escritório - pt.depositphotos.com

Partilhar este artigo

Faz a review da tua empresa

Partilha como é o teu (ex) empregador. É anónimo e leva 3 minutos!